segunda-feira, julho 28, 2014

Efeméride - Centenário da 1ª Grande Guerra 1914-1918



Em 28 de julho de 1914, a ocupação da Sérvia pelas forças do Império Austro-Húngaro marcava o início de
 um conflito que rapidamente se propagou, num esquema de alianças que dividiu o mundo em dois, alterou
o curso da história e constituiu, para muitos autores, a verdadeira entrada na contemporaneidade.

Portugal acabou por abandonar a neutralidade inicial, em parte pela necessidade de afirmação da

 jovem República (proclamada 4 anos antes) no contexto internacional, em parte pela necessidade
     de defesa dos seus interesses coloniais em África. África foi, de resto, o primeiro palco de
 guerra das tropas portuguesas, que desde setembro de 1914 se viam envolvidas em combates fronteiriços
 no Sul de Angola e no Norte de Moçambique, embora só em 9 de março de 1916 a Alemanha nos declarasse
 oficialmente guerra.

Só em princípios de 1917 se inicia o envio de tropas portuguesas para a Flandres, com o primeiro

contingente do Corpo Expedicionário Português (C.E.P.) a embarcar, em janeiro, a bordo de
três vapores ingleses. Este exército, composto por cerca de 30.000 homens, foi sujeito a uma instrução
 preparatória intensiva de nove meses, sob a direção do então ministro de Guerra, o general Norton
de Matos. Ficaria conhecida como "Milagre de Tancos". Visivelmente mal preparado e equipado,
o C.E.P. sofreu pesadas baixas, sendo tristemente célebre a data de 9 de Abril de 1918, que assinala
 a Batalha de La Lys






Equipamentos  militares da época

Máscara anti-gás e fardamento de um modelo de um soldado escocês da 51st Higland Division, que chegou a França em Maio de 1915.

Colecção particular @RiodasMaças

Sem comentários: