sexta-feira, abril 13, 2018

Sintra, terra de eleição de Manuel Roque Gameiro

«Paisagem » gouache, 1925 -Manuel Roque Gameiro

“Sintra era a sua paixão.E tão grande que, para a reter sempre nos olhos, acabou por aqui comprar uma propriedade aos pés da serra, onde passava, dizia os melhores momentos da sua vida sofredora.”

"Jornal de Sintra", de 3 de Setembro de 1944

Manuel Roque Gameiro, era filho de Alfredo Roque Gameiro, nasceu em Lisboa em 1892, e faleceu, também em Lisboa em 1944. Foi distinguido pela Sociedade Nacional de Belas Artes, autor de vários trabalhos em gravura e caricatura, tendo colaborado nos jornais «O Xulão», «A Capital», suplemento «O Século», o «O Riso», «Noticias Ilustrado» e outros.

Uma grande iniciativa do Jornal de Sintra foi a 1ª exposição de Artistas Sintrenses inaugurada em 14 de Setembro de 1943, participaram vários artistas entre os quais Manuel Roque Gameiro, com desenhos a lápis de cor.

Manuel Roque Gameiro participou ainda na II Exposição de artistas Sintrenses (1944)“embora sem o chamarem, e ele próprio foi colocar os seus quadros, cheio de alegria sincera por, mais uma vez, ser útil à sua terra eleita”-escrevia no "Jornal de Sintra" , Rio Dez, em 3 de Setembro de 1944,num artigo de homenagem a Manuel Roque Gameiro quando da sua morte.

Posts relacionados:
-Sintra nas aguarelas de Alfredo Roque Gameiro-pressionar
-A tribo dos pincéis:/http://www.tribop.pt/TPd/
Notas:
Fotografia e reprodução de "Paisagem", retiradas da "Tribo dos Pincéis"

3 comentários:

João Cabral disse...

Apenas para informar que o site da Tribo dos Pincéis que indica (http://roquegameiro.com.sapo.pt/) já há muitos anos que está inactivo.
Novo site em www.tdp.pt ou www.roquegameiro.org
Cumprimentos,
João Cabral

pedro macieira disse...

Caro João Cabral,
Obrigado pela rectificação do link. O post é uma reedição razão porque não tinha sido actualizado io link da "Tribo dos Pincéis".
Os meus cumprimentos
Pedro Macieira

Graça Sampaio disse...

Já o pai gostava muito de pintar Sintra. E quem pode não gostar?!